Página principal / notícias

27/02/2016


Lajeadinho terá fábrica de cimentos avaliada em R$ 770 milhões



Dois anos depois de ganhar o noticiário por ter sido devastado em uma enxurrada, Lajedinho, a 350 quilômetros de Salvador e o quinto menor município da Bahia, com menos de 10 mil habitantes, está prestes a ficar conhecido de outro jeito.

O município vai receber um dos maiores investimentos industriais já realizados no semiárido baiano. A CPX, novo grupo brasileiro no mercado de cimentos, concluiu os estudos ambientais para a implantação de uma unidade em Lajedinho, que deve receber investimentos de R$ 770 milhões para produzir 800 mil toneladas de cimento por ano.

O grupo pretende iniciar a construção da planta industrial ainda este ano, após a realização de uma audiência pública na região ainda no primeiro semestre e da licença definitiva do Inema, responsável pelo licenciamento ambiental.

A estimativa dos investidores é gerar 2 mil empregos na fase de obra, que deve durar entre 27 e 30 meses, além de 200 empregos diretos na fase de operação da fábrica e outros 600 empregos indiretos, com serviços de transporte, limpeza, manutenção, segurança, hospedagem, alimentação, etc.

“Este é um investimento importante para nós, que vai trazer enormes benefícios para toda aquela região”, acredita o presidente da CPX, Rodrigo Lara. Ele diz que o impacto econômico da fábrica de cimento vai se ampliar até outros municípios da região.

Fonte: www.correio24horas.com.br


   

Seu nome:

Seu e-mail:

Nome destinatário:

E-mail destinatário:

Mensagem:




Todos os direitos reservados à Ricardo Xavier Recursos Humanos®
A reprodução, parcial ou total, do conteúdo deste site é permitida, bastando mencionar a fonte.