Página principal / notícias

07/10/2015


Indústria Baina mantém leve recuperação, mas cresce menos que no mês anterior



Em agosto deste ano, a produção industrial da Bahia cresceu 2,7% em relação a agosto do ano passado, com ajuste sazonal, mas caiu 1% na comparação com julho, segundo a Pesquisa Industrial Mensal divulgada hoje (07) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE). Na pesquisa nacional, divulgada anteriormente, houve queda de 9% na comparação anual.

O índice acumulado de janeiro a agosto mostrou retração de 5,9%, reduzindo o ritmo de queda frente ao observado no primeiro semestre do ano (-8,6%), ambas as comparações contra iguais períodos do ano anterior. No acumulado dos últimos doze meses, a indústria baiana tem queda de 3,3%.

O índice de média móvel trimestral, por sua vez, registrou crescimento de 2,4% no trimestre encerrado em agosto, ante o patamar do mês anterior, praticamente mantendo o ritmo de expansão observado em julho último (2,5%).

Na comparação agosto de 2015/agosto de 2014, seis das doze atividades pesquisadas mostraram crescimento na produção. O principal impacto positivo foi observado no setor de veículos automotores, reboques e carrocerias (39,3%), impulsionado, sobretudo, pela maior fabricação de automóveis. Vale mencionar também os avanços vindos de celulose, papel e produtos de papel (5,7%), de produtos alimentícios (4,9%), de bebidas (20,2%) e de coque, produtos derivados do petróleo e biocombustíveis (0,6%).

Em sentido contrário, os setores de equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos (-52,4%), de indústrias extrativas (-7,6%), de outros produtos químicos (-2,6%) e de produtos de minerais não-metálicos (-10,7%) exerceram as principais influências negativas.

Fonte: www.bahiaeconomica.com.br


   

Seu nome:

Seu e-mail:

Nome destinatário:

E-mail destinatário:

Mensagem:




Todos os direitos reservados à Ricardo Xavier Recursos Humanos®
A reprodução, parcial ou total, do conteúdo deste site é permitida, bastando mencionar a fonte.